Despertador que faz café

28
ago

Já imaginou acordar todos os dias com o cheiro de café quentinho e ainda poder saboreá-lo logo depois? Essa foi a invenção do designer britânico Joshua Renouf,, um despertador que faz café.

Com um estilo retrô, que remete a experimentos de laboratório, o designer projetou um equipamento para acordar o usuário suavemente com seu cafezinho pronto e quentinho ao lado da cama.

A ideia é que se tenha um ritual que começa na noite anterior. Antes de dormir é só deixar tudo preparado, com a facilidade das gavetas para o café e açúcar, e programado para o horário que você pretende acordar com café prontinho.

O projeto ainda não saiu do papel, mas já estamos todos sonhando com ter uma dessas em casa.

Salada para uma vida saudável e cheia de sabor

26
ago

Ter uma boa alimentação faz a gente se sentir melhor, nos deixa com mais disposição, alegria de viver e lógico, com muito mais saúde. E um dos pratos principais para uma boa alimentação é a salada.

Por possuir poucas calorias e alto teor de água, a salada proporciona diversos benefícios à saúde, que ajuda a manter o bom funcionamento do organismo. Além disso, os vegetais e as folhas presentes nela são fontes de fibras, sais minerais e vitaminas o que contribui para o bom funcionamento do intestino, ajudando na digestão e proporcionam o bom funcionamento do organismo.

Hoje em dia, as saladas vêm com os mais variados ingredientes proporcionando-lhes muito mais sabor e quebrando o mito de que ela não pode ser um prato delicioso. No Genot você encontra várias receitas de saladas com camarão, muçarela de búfala, frango, entre outros.

Venha saborear uma delas e garanta saúde com muuito sabor! 😀

Bandeja para leitura

21
ago

Tomar um cafezinho é sempre uma ótima escolha, mas tomar um café deitado na cama, comendo algo delicioso e ainda acompanhado de uma boa leitura é sem igual! Difícil é conseguir fazer tudo isso sem deixar migalhas ou gotas de café por cima do livro. E foi pensando nisso que coreano Yu-Hun Kim criou a “bandeja de leitura”.

Feita em acrílico transparente, essa bandeja permite que livros, revistas ou jornais possam ser lidos enquanto você mantém seu lanche e seu café (ou outra bebida) sobre ela. Fácil de segurar, a bandeja além de proteger as páginas, acaba com aquela chata mania que os livros têm de se fechar quando são segurados com uma mão só.

Ideia genial, não é? Agora é só esperar esse item chegar as lojas para garantir a sua! 😀

Venha provar uma delícia dos deuses aqui no Genot

19
ago

O cheesecake é uma sobremesa muito apreciada nos quatro cantos do mundo e é um dos doces mais tradicionais dos Estados Unidos. Porém, poucos sabem que sua origem é bem mais antiga do que se imagina e que sua verdadeira origem é a Grécia Antiga.

Há relatos de que essa sobremesa foi servida na Grécia Antiga durante os Jogos Olímpicos na Ilha de Delos, em 776 a.C. Com a conquista da Grécia pelos romanos, a receita da cheesecake teria mudado de mãos, onde os romanos passaram então a oferecer essa sobremesa aos seus Deuses para acalmá-los.

Na década de 70, foi que o cheesecake se popularizou principalmente nos Estados Unidos e depois chegou a outros países, como o Brasil. Independente da sua idade, uma coisa é certa: o cheesecake é uma delícia.

Vem para o Genot saborear essa sobremesa dos deuses!

Seis razões para você amar café

14
ago

Os verdadeiros amantes de café nem precisam de uma razão para tomar uma xícara. Qualquer hora é hora e qualquer desculpa é válida. Mas se mesmo assim, você quer ter motivos para amar um bom café, a gente te dá alguns.

– Apenas sentir o cheiro do café pode diminui o estresse por falta de sono. Pesquisadores da universidade coreana Seoul National University examinaram os cérebros de ratos que sofriam de estresse causado pela falta de sono e descobriram que os ratos expostos ao aroma do café tiveram mais mudanças nas proteínas do cérebro relacionadas àquele estresse.

– O café é ótimo para o fígado. Um estudo publicado em 2006, feito com 125.000 pessoas ao longo de 22 anos, mostrou que quem bebia pelo menos uma xícara de café por dia tinha 20% menos probabilidade de desenvolver cirrose hepática. O onsumo do café parece proteger o organismo da cirrose alcoólica.

– Café pode causar sensações de felicidade. Um estudo do National Institute of Health nos EUA mostrou que as pessoas que bebiam quatro ou mais xícaras de café tinham probabilidade 10% menor de sofrerem de depressão do que aquelas que nunca bebem café. Isso graças aos antioxidantes presentes na bebida.

– Café pode melhorar o seu desempenho como atleta. Uma xícara de café antes do treino aumenta o desempenho do atleta, principalmente em esportes de resistência como corridas de longa distância e ciclismo. Isso porque a cafeína aumenta a quantidade de ácidos graxos circulando na corrente sanguínea, permitindo que os músculos do atleta absorvam e queimem essas gorduras como combustível, guardando assim as pequenas reservas de carboidratos do corpo para um momento posterior do treino.

– Beber café pode manter o seu cérebro saudável por mais tempo. Pesquisadores das universidades de Miami e do Sul da Flórida descobriram que pessoas acima de 65 anos com níveis mais elevados de cafeína no sangue desenvolviam o Mal de Alzheimer dois a quatro anos mais tarde do que as pessoas com níveis mais baixos de cafeína no sangue.

– O café pode aumentar sua inteligência. O café permite que o seu cérebro funcione de maneira muito mais eficiente e inteligente, melhorando seu tempo de reação, atenção, raciocínio lógico e a maioria das funções complexas associadas à inteligência.

Agora você já tem os motivos perfeitos para fazer uma visita ao Genot e tomar um dos nossos deliciosos cafés! 😉

Fonte: Info

Salada de frutas para quem não abre mão de hábitos saudáveis

12
ago

Comer, sem dúvidas, é um dos grandes prazeres da vida, mas não dá para descuidar da saúde. E para quem não abre mão de ter hábitos saudáveis, nada melhor do que comer frutas. E se uma só já tem milhares de benefícios, quem dirá a mistura de várias.

A salada de frutas é uma receita primitiva, praticada desde a época da Grécia e Roma Antiga. Essa receita varia apenas na escolha das frutas e no liquido que a acompanha, pode ser o suco das frutas, licor, refrigerante ou água com gás.

Venha para o Genot e prove nossa salada de frutas feita com frutas fresquinhas e da melhor qualidade. :)

Que tal um petit gateau para adoçar o final de semana?

07
ago

O final de semana está chegando. Há quem prefira aproveitá-lo descansando, outros indo à praia, outros indo para a balada. Mas todas essas pessoas esperam uma coisa em comum: que o final de semana seja divertido e doce. A parte do divertido, a gente deixa a sua escolha, mas o doce deixa com a gente!

Nada melhor do que um petit gateau com sorvete para adoçar o dia. O quente do bolinho com o gelado do sorvete faz o casamento perfeito e deixa qualquer um desejando come-lo. E para você não ficar só na vontade, passa aqui no Genot no final de semana e vem saborear essa delícia. Temos o petit gateau tradicional e o de doce de leite, independente da escolha, uma coisa é certa: você vai se apaixonar! ♥

Playlist com músicas inspiradas em livros

04
ago

Se pudéssemos listar algumas das maiores maravilhas do mundo, algumas delas seriam um bom livro, um café quentinho e uma trilha sonora para acompanhar. E por que não essas três coisas juntas? Tenha seu livro em mãos que o café e a trilha sonora, a gente separou para você!

Essa trilha sonora trás apenas músicas que foram inspiradas em livros.


Don’t stand so close to me – The Police foi baseada no livro Lolita de Vladimir Nabokov.

Misty mountain hop – Led Zeppelin foi baseada no livro O Hobbit de J. R. R. Tolkien.

Animals – Pink Floyd esse álbum foi baseado no livro A Revolução dos Bichos de George Orwell.

The wizard – Black Sabbath foi baseada em O Senhor dos Anéis de J. R. R. Tolkien.

White rabbit – Jefferson Airplane foi baseado em Alice no País das Maravilhas de Lewis Carroll.

Wuthering Heights – Kate Bush foi baseado no livro O Morro dos Ventos Uivantes de Emily Brontë.

 2+2-=5 – Radiohead foi baseado no clássico 1984 de George Orwell.